quarta-feira, 31 de maio de 2017

DI JEJÊ LANÇA CURSO INÉDITO SOBRE A MULHER NEGRA E A HOMOSSEXUALIDADE


Curso têm inscrições abertas até dia 08 de Junlo, e conta com a curadoria de conhecimento da professora, pesquisadora da UNIFESP e ativista Ryane Leão. Inscrições AQUI.




O curso tem por objetivo apresentar as múltiplas vivências da mulher negra e lésbica, trazendo informações essenciais para a construção e consolidação da nossa história de luta, para o resgate de nossa identidade e para a importância das referências novas e antigas na edificação da nossa resistência. Abordarei assuntos como identidade de gênero e orientação sexual, racismo e preconceito, invisibilidade, representação, relacionamentos, afetividade e violência, hiperssexualização, entre outros. Cada aula irá propor um tema de debate em relação à homoafetividade da mulher negra, trazendo extenso material bibliográfico para um assunto tantas vezes silenciado e ignorado. Mulheres negras lésbicas existem e resistem!

Será um curso totalmente on line, voltado para todos os públicos que tenham interesse, pesquisadores ou não. Acontecerá numa plataforma virtual, e o inicio esta marcado para o dia 10 de Julho.

A curadoria de conhecimento será feita por Ryane Leão que é mulher preta e lésbica, professora, escritora e artista de rua. É também estudante de Letras na UNIFESP. Trabalha com o resgate da cultura negra na escola Black to Black, especializada no ensino do inglês para mulheres negras com foco em cultura afro. Também publica seus poemas em forma de lambe-lambe e na internet com o projeto Onde jazz meu coração. Seu primeiro livro foi financiado pelo Catarse e tem prévia de lançamento para 2017.

Serviço: Curso On line As pluralidades da mulher negra e lésbica
Quando de 10 de Julho a 30 de Agosto
Quanto: 60 reais
Onde: http://edu.kilombagem.net.br
Para quem: todos os interessadxs no tema.